Você está aqui: Página Inicial > Atuação > Eventos > Comunicação Visual do Evento

Comunicação Visual do Evento

por Site Secom publicado 13/02/2014 11h24, última modificação 23/12/2015 16h07

A programação visual é um meio de forte apelo comunicativo. Ela apresenta, de forma direta e objetiva, o conteúdo da mensagem que pretende ser transmitida, assim como a instituição promotora da atividade. Todo o material elaborado para a ambientação deve ter o seu conteúdo e formato adequados aos objetivos pré-estabelecidos e ao ambiente onde está inserido. O público e a imprensa devem ter total visibilidade das peças. Para isso, é necessário fazer uma análise criteriosa do ambiente, incluindo estudos de fluxo de público, do local destinado à cerimônia e do posicionamento da imprensa.

Utilização da marca na comunicação visual dos eventos:

Todo evento é uma oportunidade para expor uma ou mais marcas do promotor, dos parceiros, patrocinadores, apoiadores, dentre outros. A marca deve estar sempre posicionada em local estratégico e de ampla visibilidade. Ela é a assinatura da instituição que se responsabiliza pelo conteúdo do evento e sua exposição é essencial para "marcar" sua presença institucional, configurando-se como um elemento de paternidade ou compartilhamento da ação tema do evento. 

Acesse os arquivos da marca do Governo Federal em diversos formatos e saiba como utilizá-la de forma adequada no Manual de Uso da Marca

Peças normalmente utilizadas na programação visual:

Fundo de palco

O fundo de palco deve cobrir o fundo do ambiente do palco, a partir do chão ou do início do palco ou tablado, de modo que a parede ou estrutura atrás das autoridades não apareça. Não é recomendada a utilização de cores muito claras e o material deve ser fosco, para evitar reflexos. Ajuste o posicionamento das câmeras e do púlpito para garantir a exposição das marcas e conceitos.

Para melhor visibilidade das marcas, o ideal é que as mesmas estejam dos dois lados do fundo de palco, garantindo sua exposição qualquer que seja a posição do púlpito. Quanto às informações como o nome do evento, conceitos, slogans etc., o ideal é que ocupem a área central do painel. Cada montagem tem uma particularidade e especificidade que deverá ser levada em conta para a obtenção do melhor resultado.

 

1. Autoridades sentadas em cadeiras / mesa

Quanto à altura, o limite inferior da última marca deve ser entre 1,55m a 1,65m. Na área central, o limite do texto deve ser entre 1,40m, considerando sempre o tipo de estrutura onde o fundo de palco será instalado – boxtruss, estrutura do palco, moldura, painel de madeira etc. – pois isso influenciará a visibilidade. 

Quanto à altura, o limite inferior da última marca deve ser entre 1,55m a 1,65m. Na área central, o limite do texto deve ser entre 1,40m, considerando sempre o tipo de estrutura onde o fundo de palco será instalado – boxtruss, estrutura do palco, moldura, painel de madeira etc. – pois isso influenciará a visibilidade.

  Quanto à altura, o limite inferior da última marca deve ser entre 1,55m a 1,65m. Na área central, o limite do texto deve ser entre 1,40m, considerando sempre o tipo de estrutura onde o fundo de palco será instalado – boxtruss, estrutura do palco, moldura, painel de madeira etc. – pois isso influenciará a visibilidade.  

Quanto à altura, o limite inferior da última marca deve ser entre 1,55m a 1,65m. Na área central, o limite do texto deve ser entre 1,40m, considerando sempre o tipo de estrutura onde o fundo de palco será instalado – boxtruss, estrutura do palco, moldura, painel de madeira etc. – pois isso influenciará a visibilidade.

                                                                                                                                

2. Autoridades em pé (com púlpito)

Assim como no caso acima, o limite inferior da última marca deve ser entre 1,55m a 1,65m. Na área central, o limite do texto deve ser entre 1,55m, considerando sempre o tipo de estrutura onde o fundo de palco será instalado – boxtruss, estrutura do palco, moldura, painel de madeira etc. – pois isso influenciará a visibilidade.

 Assim como no caso acima, o limite inferior da última marca deve ser entre 1,55m a 1,65m. Na área central, o limite do texto deve ser entre 1,55m, considerando sempre o tipo de estrutura onde o fundo de palco será instalado – boxtruss, estrutura do palco, moldura, painel de madeira etc. – pois isso influenciará a visibilidade.


Estruturas

As estruturas são utilizadas para a construção do fundo de palco. Nestes painéis, as alturas indicadas para as marcas e para a área de conceito pode variar em função da estrutura utilizada. Caso a estrutura seja de metalon, deve-se seguir as alturas indicadas. Caso a estrutura seja Box Truss, tipo treliça, descontar nas alturas, a medida da treliça.

Estrutura de Metalom

As estruturas são utilizadas para a construção do fundo de palco. Nestes painéis, as alturas indicadas para as marcas e para a área de conceito pode variar em função da estrutura utilizada. Caso a estrutura seja de metalon, deve-se seguir as alturas indicadas. Caso a estrutura seja Box Truss, tipo treliça, descontar nas alturas, a medida da treliça. Essa referência é o padrão que se utiliza no Salão Nobre do Palácio do Planalto, de 13,5m x 3m

Essa referência é o padrão que se utiliza no Salão Nobre do Palácio do Planalto, de 13,5m x 3mAs estruturas são utilizadas para a construção do fundo de palco. Nestes painéis, as alturas indicadas para as marcas e para a área de conceito pode variar em função da estrutura utilizada. Caso a estrutura seja de metalon, deve-se seguir as alturas indicadas. Caso a estrutura seja Box Truss, tipo treliça, descontar nas alturas, a medida da treliça. Referência é o padrão que se utiliza nos Salões Oeste e Leste do Palácio do Planalto, painel central de 8m x 2.5m e lateral 1,5m x 2,5m Referência é o padrão que se utiliza nos Salões Oeste e Leste do Palácio do Planalto, painel central de 8m x 2.5m e lateral 1,5m x 2,5m 


3.Fundo de Púlpito

É possível também, em palcos muito profundos ou com outros impeditivos, utilizar uma peça menor posicionada atrás do púlpito, para exibição de marcas e conceitos a e para prevenir vazamento de imagens e reflexos.

É possível também, em palcos muito profundos ou com outros impeditivos, utilizar uma peça menor posicionada atrás do púlpito, para exibição de marcas e conceitos a e para prevenir vazamento de imagens e reflexos.


4. Saia de Palco e testeira

Como complementação, podem ser utilizadas estas peças, para destacar informações adicionais que não precisem estar no ambiente principal do palco.

Como complementação, podem ser utilizadas estas peças, para destacar informações adicionais que não precisem estar no ambiente principal do palco.

 

Como complementação, podem ser utilizadas estas peças, para destacar informações adicionais que não precisem estar no ambiente principal do palco.

 

5. Saia de mesa

Caso não seja possível a utilização de fundo de palco, a mesa pode servir com base para a comunicação, utilizando-se a parte frontal para a comunicação.

 Caso não seja possível a utilização de fundo de palco, a mesa pode servir com base para a comunicação, utilizando-se a parte frontal para a comunicação.

 

 6.Banners

Complementam a comunicação e servem também como indicativo do local de realização

Complementam a comunicação e servem também como indicativo do local de realização


Complementam a comunicação e servem também como indicativo do local de realização